sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Suavidade no coração


Existe um ponto de interrogação na minha vida que só Deus sabe a resposta, porém ainda não chegou o tempo dele me contar. Já pensei em várias hipóteses mas nenhuma se encaixa. Continuo esperando, pois em algum lugar desse mundo, há o que almejo. 
É como dizia Caio F.Abreu nessa citação que acabei de ler:

"Às vezes é preciso diminuir a barulheira, parar de fazer perguntas, parar de imaginar respostas, aquietar um pouco a vida para simplesmente deixar o coração nos contar o que sabe. E ele conta. Com a calma e a clareza que tem."

Assim será! Vejo que não existem motivos para tentar montar esse quebra-cabeça, pois no momento, não vou conseguir. Existe algo que está vindo pelas asas do vento e continuarei fielmente acreditando nessa promessa. No momento oportuno pousará suavemente à minha frente e saberei que esse foi enviado dos céus para mim. Ele virá... Não importa onde esteja! Basta esperar e me preparar para recebê-lo. Não sei como será, mas peço: Que seja doce...
O meu coração está manso, cheio de amores e meiguices. Deus tem deixado ao meu lado aqueles que me amam e querem ver o meu prosperar. Isso é ótimo, tem me guardado dos que desejam mal e que não tem dentro de si o amor.
Apesar dos pesares, estou feliz e sou grata por isso. A vida sempre será linda, Deus merece todos os meus sorrisos e a minha eterna gratidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi *-*